terça-feira, 24 de junho de 2008

Torcedores se complicam

O jogo entre Grêmio e Atlético-PR, na tarde de domingo (22), teve quatro registros de fatos delituosos envolvendo cinco torcedores no posto do Juizado Especial Criminal que funciona no Estádio Olímpico. Durante a partida, foram flagradas pela Brigada Militar e encaminhadas ao JECrim situações de ato obsceno, posse de droga e promoção de tumulto. Em todos foi aceita a proposta de transação penal oferecida pelo Ministério Público e pagamento, em cada caso, de multa no valor de R$ 120,00. Com exceção do primeiro caso, aos demais autores dos delitos foi imposta proibição de assistir aos próximos três jogos do Grêmio no Olímpico – respectivamente o Gre-Nal, contra a Portuguesa e contra o Cruzeiro.

O primeiro fato atendido foi o de um torcedor que estava urinando em local público; foi capitulado como gesto obsceno. Outro caso decorreu de posse de droga (maconha). Os dois fatos seguintes enquadraram-se no art. 39 do Estatuto do Torcedor – promoção de tumulto. Um torcedor arremessou uma pedra e outros dois lançaram um foguete. São da alçada do Juizado Especial Criminal todas as contravenções penais e os crimes com pena máxima de dois anos, cumulada ou não com multa.

Fonte: Espaço Vital.

2 comentários:

Cacá BH disse...

bom, eu sou a favor dessas punições sim....
para se manter a ordem, ou pelo menos tentar neh....
Senão vira tudo uma baderna, mais do que já está....
Que as punições sirvam de zexmplo para outros deliquentes de todas as torcidas...
abraços...

Raphael disse...

Muito bom o blog de vcs!

Parceria???
=)