sábado, 19 de abril de 2008

Pequim 2008

Valeu mulherada!
Neste sábado, onde se comemoram no Brasil o Dia do Índio e também dia de Santo Expedito, o padroeiro das causas impossíveis, quem tinha uma missão que se mostrou muito mais impossível que aquelas dos filmes do Tom Cruise, foi a seleção de Gana.
Gana precisava passar pelo Brasil para conseguir uma vaga nas olimpíadas de Pequim.
Mas o que se viu foi mais um show de Marta & Cia. digno de se pagar duas vezes pelo ingresso.

Atacante Cristiane comemora o segundo gol do Brasil contra Gana

Mas não era e não podia ser diferente, se a Seleção Brasileira de Futebol Feminino enfrenta dificuldades graves, como falta de apoio, patrocínio e outras tantas, a Seleção de Gana sofre muito mais.

Lá as jogadaras são todas amadoras e tem empregos comuns, como eu e vc, como as outras meninas que escrevem e leem aqui no blog.
Mas isso não há de diminuir o excelente trabalho e o excelente futebol que nossas meninas jogam. Agora temos que apoiá-las, porque em Pequim a coisa complica. Lá enfrentaremos países com melhores infra-estruturas como Alemanha, Estados Unidos, Noruega, Suécia, entre outros.

Fica aqui nosso agradecimento à elas, nosso voto de confiança e minha opinião:
Se a gente recheasse a Seleção Feminina com Kaká, Alexandre Pato e o Goleiro Felipe do Timão, sem desmerecer as meninas que estes substiruiriam, daria pra botar esse time pra jogar no lugar dos meninos sem medo de perder. Com certeza elas não tem a máscara que tiveram Ronaldinho Gaúcho, Roberto Carlos & Cia. na última copa do mundo.


Um comentário:

Welton ''Shiryu'' disse...

realmente as mulheres não são pipoqueiras iguais aos homens